Teremos olhos maiores e o poder de escolher aparência, diz pesquisa

Os pesquisadores utilizaram a tecnologia para simular mudanças.

De acordo com o artista Nickolay Lamm e o geneticista Alan Kwan, será possível revelar como serão os seres humanos daqui 100 mil anos.

Estima-se que os olhos das pessoas serão muito maiores e que cada um poderá definir como será sua aparência.

Image title


Os pesquisadores utilizaram a tecnologia desenvolvida para simular duas pessoas caucasianas, a partir de fotografias tiradas em 2013. Eles levaram em conta a direção evolutiva e especulações da humanidade para a construção das imagens, baseando-se na teoria de Darwin.

O geneticista Alan Kwan partiu do princípio de que haverá vida humana em outros planetas daqui a milhões de anos. Isso pode fazer com que os olhos passem por mudanças, por estarem mais distantes do Sol, precisando enxergar locais mais escuros. Nickolay, por sua vez, foi o responsável por reproduzir artisticamente as projeções de Alan.

Alam tem outra projeção interessante sobre os próximos 60 mil anos. Ele acredita que os seres humanos poderão controlar o genoma, podendo refazer sua própria imagem da maneira que acharem melhor.

As descobertas de Kwan foram recebidas com horror por alguns e com ceticismo por outros. Matthew Herper, colunista na revista Forbes, diplomaticamente se refere ao trabalho de Kwan como "ficção científica". Outro pesquisador descreveu a teoria visual como uma “porcaria”.

Clique e acesse mais notícias curiosas

Fonte: Com informações do Jornal Ciência