Drama de Luciana é um dos trunfos de "Viver a Vida"

Há pouco mais de um mês no ar, a novela das oito da Globo marca 35 pontos de média.

O acidente que vai deixar Luciana (Alinne Moraes) paraplégica nos próximos capítulos de Viver a Vida marca um recomeço para a personagem e para a novela. A cena trágica foi gravada parte na Jordânia e parte em Itaguaí, na noite do último sábado (24). Manoel Carlos, autor da história, acredita que o drama da modelo vai aumentar os índices de audiência, mesmo dizendo-se satisfeito com os números atuais. "Apesar da normalidade, tenho certeza que iremos crescer a partir do acidente de Luciana", aposta o autor. Caras & Bocas chegou a bater Viver a Vida por 36 a 35. Mas Manoel Carlos demonstra tranquilidade ao analisar o quadro. "Estamos absolutamente dentro (até com vantagem) dos últimos resultados das cinco ou seis novelas que nos antecederam. Não existem mais - desde Páginas da Vida - índices altos, na faixa dos 40 pontos, a não ser após o capítulo 100 (metade da novela). A audiência de Viver a Vida está, portanto, cumprindo o seu papel", defende.

Há pouco mais de um mês no ar, a novela das oito da Globo marca 35 pontos de média. No mesmo período, suas antecessoras alcançavam números parecidos, de acordo com dados oficiais do Ibope: Caminho das Índias, 33; A Favorita, 36; Duas Caras, 35; e Paraíso Tropical, 38. Como o próprio autor destaca, sua novela Páginas da Vida foi a última a marcar mais de 40 pontos quando tinha mais de um mês no ar. Chegou a conquistar média de 51. Na altura do capítulo 100, Caminho das Índias marcava 38 pontos de média, enquanto a antecessora A Favorita chegava aos 40.

Luciana, que até o momento se mostrou uma garota mimada e invejosa, vai ver sua vida virar de cabeça para baixo. A moça está empolgada com sua primeira sessão de fotos no exterior e por ter conhecido o aventureiro Bruno (Thiago Lacerda), com quem chega a trocar beijos. Mas por ser imprudente, ela se indispõe com Helena (Taís Araújo).

É justamente depois de uma discussão feia com a madrasta que um trágico acidente deixa Luciana paraplégica. Seu namoro, que já estava balançado, chega ao fim e Jorge (Mateus Solano) a abandona. Luciana é acolhida pelo irmão gêmeo do rapaz, Miguel, e os dois começam a namorar. Helena, por sua vez, vai se sentir culpada, pois nega carona à enteada e justamente depois disso o ônibus em que Luciana está capota.

Fonte: Terra, www.terra.com.br