Editora abril anuncia que deixará de publicar a revista "Playboy"

A editora comunicou oficial o fim da publicação

Image title

As revistas "Playboy", "Men's Health" e "Women's Health" não serão mais publicadas pela Editora Abril conforme anúncio foi nesta quinta-feira (19).  

Entretanto, isso não significa necessariamente que a "Playboy" irá deixar as bancas brasileiras. Há negociações avançadas entre uma editora brasileira e a Playboy Enterprises, empresa americana que controla os direitos sobre a franquia, para que o título continue a circular no país.

O pagamento dos royalties para empresa americana é um dos motivos para a Abril deixar de publicar a revista. 

A Editora Abril decidiu priorizar sua revista masculina própria, a "VIP", que não publica fotos de nudez feminina. Em 2010, a editora lançou a "Alfa", revista voltada ao público masculino com alto poder aquisitivo, mas a publicação durou menos de três anos.

Os funcionários que trabalhavam na "Playboy" brasileira receberam um aviso de que poderão ser realocados em outras revistas e sites da Abril, mas ainda não há definição.

De acordo com dados de janeiro a setembro do IVC (Instituto Verificador de Circulação), a "Playboy" era, em agosto, a 24º revista mensal com maior circulação no País (79.163 exemplares); a "Men's Health", a 32º (61.747); e a "Women's Health", a 43º (37.698).

Os assinantes dos títulos descontinuados terão seus exemplares de dezembro entregues normalmente e poderão optar por outra revista do portfólio da companhia, nas versões impressa ou digital.


Veja Comunicado feito pela Editora Abril: 

"Dando continuidade à estratégia de reposicionar-se focando e dirigindo seus esforços e investimentos às necessidades dos leitores e do mercado, a Editora Abril deixará de publicar, em 2016, as versões brasileiras das revistas Men's Health, Women's Health e Playboy.

Esse movimento é parte de uma profunda e arrojada mudança da empresa, processo iniciado há cerca de um ano com a revisão do portfólio de produtos e a radical readequação das ofertas Abril à sua audiência, aos seus anunciantes e agências. Esse novo posicionamento compreende soluções cada vez mais eficientes, com a expansão digital fortemente ancorada por Big Data (ABD - Abril Big Data) e Branded Content (Estúdio ABC - Abril Branded Content).


Fonte: Uol