Elton John denuncia discriminação de prisioneiros soropositivos

Elton John acena para o público durante um jogo do Watford.


Elton John denuncia discriminação de prisioneiros soropositivos nos EUA

O cantor e compositor Elton John denunciou nesta segunda-feira, no jornal The Washington Post, a discriminação e injustiça de que são vítimas os detentos soropositivos nas prisões do Alabama (sul) e Carolina do Sul (sudeste) dos Estados Unidos.

"No Alabama, os prisioneiros soropositivos devem usar uma braçadeira branca para distingui-los dos outros detentos", explicou o cantor em um editorial.

Na Carolina do Sul, cerca de 400 portadores do vírus HIV, mesmo os presos por infrações menores, são encerrados em infraestruturas dotadas de segurança máxima, similares a "corredores da morte", criticou o presidente da Fundação de Combate a Aids que leva seu nome.

"O HIV não é uma condenação à morte. Ser um simples portador do vírus não merece nem uma pena cruel e incomum, nem ter negadas as possibilidades de reinserção na sociedade", escreveu ainda.

O astro do rock denuncia também que a maior parte dos detentos nestes dois estados passarão mais tempo atrás das grades do que outros prisioneiros soronegativos condenados a penas similares simplesmente porque não são elegíveis para de programas de libertação antecipada.

Fonte: UOL