Estreia de "This Is It" mobiliza milhares de fãs na China

O fuso horário permitirá à China ser um dos primeiros países do mundo a ver a estreia de This Is It

O fuso horário permitirá à China ser um dos primeiros países do mundo a ver a estreia de This Is It, o documentário póstumo de Michael Jackson que está mobilizando milhares de fãs do cantor americano na capital chinesa.



À meia-noite desta terça-feira (27), mais de 1100 chineses de Pequim assistirão à pré-estreia do filme. Antes, todos participarão de uma festa-homenagem ao artista, que inclui um número de dança coreografada com 200 imitadores de Michael Jackson.

"Tenho certeza de que alguns de nós vamos chorar quando cantarmos as músicas. Mas não estaremos simplesmente chorando por ele. É um tributo ao legado dele, porque ficamos tocados quando cantamos suas melodias", disse Zhang Rui, que tem 27 anos e é fundador do fã-clube oficial de Michael Jackson na China, ao jornal China Daily.

Um porta-voz de um dos cinemas em que o filme será exibido afirmou que This Is It será a melhor estreia cinematográfica que a China já teve.

"Nunca tinha visto algo assim antes. O recorde em um lançamento tinha sido de Transformers, mas o documentário de Michael Jackson é ainda melhor, e não se pode esquecer que a estreia acontece em um dia útil", acrescentou o funcionário.

O filme mostra imagens inéditas dos ensaios de Michael Jackson para a turnê que marcaria a volta do cantor aos palcos.

A partir de amanhã, o documentário entrará em cartaz em aproximadamente 19 mil cinemas de 21 países. A produção ficará em cartaz por apenas duas semanas. A expectativa é que o longa arrecade US$ 600 milhões ao redor do mundo.

Fonte: Terra, www.terra.com.br