Estudo diz que fumantes são menos inteligentes

Estudo diz que fumantes são menos inteligentes

Pesquisa indica que pessoas que fumam registram QI 7,5 pontos menor

Além de fazer mal aos pulmões e de causar ataque cardíaco, o cigarro também pode diminuir o QI (quociente intelectual) de uma pessoa, revelou um estudo realizado com 20 mil voluntários jovens pelo Centro Médico Sheba do Hospital Tel Hashomer, em Israel.

Pessoas jovens que fumam regularmente tendem a possuir um menor nível de inteligência do que aquelas que não fumam, revelou nesta segunda-feira (29) o jornal inglês Daily Mail. Quanto mais inveterado o fumante, menor o QI.

Pessoas que fumam um ou mais maços de cigarros por dia obtiveram um QI, em média, 7,5 pontos menor do que os que não fumam. Um típico fumante entre 18 e 21 anos tem um QI de 94 enquanto um não fumante da mesma faixa etária tem, em média, um de 101. Aqueles que fumam mais de um maço por dia têm QIs baixos em torno de 90. A inteligência média vai de 84 a 116 pontos.

O chefe da pesquisa, Mark Heiser, disse que ainda não está claro se o cigarro causa a queda no nível de QI ou se pessoas menos inteligentes tendem mais a fumar.

- O certo é que as pessoas com QI baixo são aquelas que decidem fumar. Não é uma questão de status socioeconômico, se eles são pobres ou são um nível menor de escolaridade.

Weiser sugeriu que os resultados poderiam confirmar uma convicção antiga de que pessoas com menores QIs tendem a tomar decisões piores em relação à sua saúde ? por isso são mais propensos a usar drogas, a comer alimentos menos saudáveis e a fazer menos exercícios.

O estudo poderia ser usado na prevenção do tabagismo em jovens com QIs mais baixos. Os pesquisadores descobriram que 28% dos adolescentes entrevistados fumam um ou mais cigarros por dia, 3% admitiram ter fumado no passado e 68% dos jovens do sexo masculino nunca fumaram.

Os cientistas ainda não conseguem explicar a ligação entre os danos ao funcionamento do pulmão e o envelhecimento cognitivo, mas sugerem que o tabagismo poderia colocar em estresse oxidativo, que causa danos ao DNA.

Fonte: R7, www.r7.com