Estudo mostra que chá verde destrói células cancerígenas

A descoberta deve ajudar nos novos tratamentos orais do câncer e de outras doenças.


Uma reportagem do jornal Daily Mail mostou que o chá verde pode destruir as células cancerígenas presentes no organismo. Um componente do chá verde, chamado EGCG, destrói as células do câncer de boca sem atacar as células saudáveis.

A descoberta deve ajudar nos novos tratamentos orais do câncer e de outras doenças. Cientistas da Universidade Estadual da Pensilvânia estudaram a forma como o componente consegue rastrear a célula do câncer. Eles acreditam que o EGCG desencadeia um processo na mitocôndria (responsável pela produção de energia), que leva à morte da célula cancerigena.

"O EGCG está fazendo algo para danificar a mitocôndria, e esse dano inicia um ciclo ainda mais danoso até que a célula sofra uma morte celular programada", explicou o professor Joshua Lambert. Segundo o professor, o componente formaria espécies reativas de oxigênio dentro das células cancerígenas, o que danifica a mitocôndria, que, por sua vez, responde produzindo mais espécies reativas de oxigênio.

Essas espécies de oxigênio são responsáveis por controlar condições internas da célula, como a temperatura. Assim, quando há um aumento em sua quantidade, as estruturas celulares são danificadas. Enquanto isso, a célula cancerígena também reduz a expressão de genes antioxidantes e reduz ainda mais as suas defesas, sendo mais fácil destruí-la. Quanto às células saudáveis, o componente parece aumentar sua capacidade de proteção.

Fonte: Terra