Após prisão, Laércio é transferido para presídio em Piraquara

Ex-BBB foi preso acusado de estupro de vulnerável em Curitiba.

O ex-participante do Big Brother Brasil 16, Laércio de Moura, que foi preso acusado de estupro de vulnerável e por fornecer bebidas alcoólicas para adolescentes, foi transferido para um presídio na região metropolitana de Curitiba, na manhã desta terça-feira, dia 17 de maio. A prisão, efetuada ontem,  foi realizada pelo Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes da Polícia Civil.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Paraná (SESP),  designer de tatuagens deverá ser novamente transferido, dessa vez para a Casa de Custódia de Curitiba, onde ficará detido por tempo indeterminado. O advogado de defesa do ex-BBB, Ronaldo Santiago , afirmou que já está cuidando de todos os procedimentos.

“Vamos tomar as medidas judiciais cabíveis nesta tarde, já estamos providenciando tudo”, afirmou advogado. 

 A também ex-BBB Ana Paula Renault, que chegou a chamar ele de "pedófilo nojento" durante o confinamento,  surpreendeu ao falar sobre o caso.

"A minha discussão, com o ex-participante do 'BBB 16' em questão, ocorreu durante um confinamento sob grande estresse. As atitudes dele, somadas aos olhares e gestos, me desagradaram e muito, culminando em uma desavença pessoal. O fato ocorrido nessa manhã me deixa bastante surpresa e é uma questão judicial. Não existem culpados enquanto nada se provar", afirmou.

Ex-BBB Laércio de Moura
Ex-BBB Laércio de Moura


Fonte: Com informações do EGO