Caso de Andressa Urach sera investigado pela polícia de Porto Alegre

O caso tem sido tratado como lesão corporal grave, previsto no artigo 129 do Código Penal.

A 14ª Delegacia de Polícia Civil de Porto Alegre abriu um inquérito para investigar o caso de Andressa Urach, internada em um hospital da capital gaúcha após ter complicações com uma aplicação de hidrogel nas coxas feita há cinco anos.

A informação foi confirmada nesta sexta-feira (5). O caso tem sido tratado como lesão corporal grave, previsto no artigo 129 do Código Penal.

A representação da vítima neste tipo de situação não é necessária, já que o estado de saúde da apresentadora do programa MuitoShow, da RedeTV!, tem sido veiculado na imprensa e divulgado em notas oficiais emitidas pelo Hospital Nossa Senhora da Conceição, onde segue internada na Unidade de Terapia Intensiva.

De acordo com o último boletim médico divulgado pela instituição, Andressa está acordada e já respira sem ajuda de aparelhos. Quando deu entrada no hospital, a apresentadora foi diagnosticada com um quadro de Sepse, uma grave infecção que, em casos mais graves, pode levar a morte.


 

Saiba mais sobre o caso Andressa Urach

Andressa Urach usou 200 vezes a mais da quantidade de hidrogel aprovada pela Anvisa

Médico diz que Andressa Urach está com sepse e estado de saúde é gravíssimo

Após nova cirurgia Andressa Urach respira com ajuda de aparelhos

Com a filha em estado grave, mãe de Andressa Urach pede: 'Orem por ela'

Andressa Urach passa por cirurgia e seu estado de saúde é grave, diz hospital

Andressa Urach sofre nova infecção, passa por cirurgia e é levada para UTI de hospital

Mesmo em estado grave, Andressa Urach já respira sem ajuda de aparelhos

Médico diz que caso de Andressa Urach foi um dos mais difíceis de sua vida: 'Esteve Perto da morte'

Andressa Urach acorda em hospital e diz que tem consciência do grande risco de morte

Andressa Urach fala pela primeira vez após internação: “Melhorando a cada dia”


 

Fonte: Rede TV!