Com R$ 60 mil em mãos, Adriano faz festa com 18 garotas de programa em motel

Todas elas foram levadas por Adriano e alguns integrantes de um grupo de pagode bem conhecido para uma festinha privê no Motel Vip’s, na Avenida Niemeyer


Os clientes de uma casa de prostituição em Copacabana ficaram sem entender nada com o sumiço repentino e ao mesmo tempo de 18 moças que trabalhavam no local, na madrugada da última sexta-feira.

Todas elas foram levadas por Adriano e alguns integrantes de um grupo de pagode bem conhecido para uma festinha privê no Motel Vip’s, na Avenida Niemeyer. Outra revelação é que o Imperador carregava com ele R$ 60 mil em dinheiro vivo para bancar a farra que só terminaria na manhã do dia seguinte.

Haja disposição! Para deixar claro que não daria calote no motel que estavam (a farra era intensa e regada), Adriano fechava a conta a cada R$ 4 mil gastos, e abria uma outra, logo em seguida.

Depois da desistência de um clube francês em contratá-lo — o atacante chegou a viajar para França para acertar detalhes da contratação —, o Imperador tem curtido a vida adoidado no Rio, sem nenhuma perspectiva de voltar aos campos. A última vez em que atuou no futebol foi quando passou pelo Atlético-PR em abril do ano passado, onde ficou poucos meses vinculado ao clube.

Fonte: Extra