Eliana Amaral, ex de João Kléber, afirma que pensa em sexo 24 horas por dia

Segundo Eliana, o casal costuma transar muitas horas seguidas: “Já fizemos sexo o final de semana inteiro. Só parávamos para comer.”

Eliana Amaral, 35 anos, posou para o Paparazzo nesta sexta-feira, 17, e contou que anda viciada em sexo. Namorando há dois meses o empresário Gessé Junior, de 31 anos, a apresentadora falou sobre a relação do casal. “Ele é safado demais. Esse relacionamento me deixou viciada nisso, só penso em sexo 24 horas por dia. Eu não sei se era muito atraso, mas alguma coisa está acontecendo comigo”, diz ela.

 Making of Eliana Amaral posando para o Paparazzo (Foto: Anderson Barros / Paparazzo)

O “atraso” a que ela se refere aconteceu durante o relacionamento de um ano com o apresentador João Kléber, que terminou em janeiro deste ano justamente por falta de sexo. “Não tínhamos vida sexual. Ele não me procurava. Todas as vezes que transamos foi porque eu o procurava, ele nunca me procurou”, conta Eliana. O problema, segundo Eliana, foi plenamente resolvido no atual relacionamento. “Quando a gente se conheceu, em Salvador, ambos perdemos o voo de volta para casa porque nos enfurnamos em um motel e não saímos mais. A gente não sabia se ia se ver de novo, então queríamos aproveitar”, lembra ela. Segundo Eliana, o casal costuma transar muitas horas seguidas: “Já fizemos sexo o final de semana inteiro. Só parávamos para comer.”

Eliana não esconde a felicidade e a admiração pelo atual namorado. “Uma das coisas que me atraiu nele é o fato de ser muito vaidoso. Eu acho isso o máximo. Homem tem de ser metrossexual mesmo. Cheiroso, barba feita, estiloso. Quem não quer um homem assim? Acho que o cara tem de mostrar que é macho na cama. Fora da cama nada o impede de se arrumar, estar com o cabelo bem cortado, a barba feita. Isso é vaidade, não é ser gay. A mulher tem de estar sempre depilada, cheirosa e o cara não pode estar? Se eu tenho que ficar bonita e com a bunda dura, o cara também tem que estar com o abdômem trincado, cheiroso e depiladinho”, defende ela.

Fonte: Ego