Evangélica, Andressa Urach avisa: ‘Eu amo os gays, não sou contra"

Ex-modelo diz que não pretende levantar bandeira contra os gays

Agora frequentando a Igreja Universal, Andressa Urcah fez um desabafo em seu Instagram sobre o público GLS. No post publicado na manhã desta quinta-feira, em que ela aparece orando durante um culto, a ex-modelo explica que não pretende levantar a bandeira contra os gays.

Image title"Muitas pessoas me perguntam: 'Andressa, você agora é contra os gays?', 'Você que sempre teve a admiração do público GLS, agora é contra eles?'. Minha resposta é uma só: eu amo os gays. Não assumi a 'religião evangélica' e sim uma fé inteligente. E esta fé que tenho aprendido na Universal me faz respeitar e amar os gays assim como qualquer outro ser humano", esclare.

Urach segue o seu desabafo lembrando o seu passado, segundo ela, de erros:

"Não importa a opção sexual de ninguém, nem se é rico ou pobre, negro ou branco, Deus nos aceita como somos de forma igual. Assim como me aceitou, com tantos erros e falhas. Deus aceita cada um da mesma maneira, sem julgamentos. Eu sempre estarei de braços abertos para receber todos vocês por onde estarei!! Se o Sr. Jesus estivesse aqui de carne e osso (está em espírito), ele amaria todos que sofrem!!! O Sr. Jesus ama os pecadores mas odeia o pecado! E todos são pecadores, não existe pecadinho e pecadão, aquele que julga e aponta o próximo é tão pecador quanto!".

Andressa resolveu se tornar evangélica e mudar o visual e o estilo de vida após passar por problemas de saúde por conta de uma aplicação de hidrogel na coxa, no início do ano. Com risco de morte, ela ficou internada por vários dias em Porto Alegre e passou por cirurgias para retirar o produto.

Fonte: Com informações do Jornal Extra