Justiça condena Danilo Gentili a pagar multa de R$ 2 milhões à Band

Ele quebrou contrato com a emissora

Image title

Apresentador deixou a emissora do Morumbi um ano antes do fim de seu contrato

Danilo Gentili sofreu um revés da Justiça por ter deixado a Band no final de 2013, assinando contrato com o SBT. O apresentador foi condenado a pagar multa de mais de R$ 2 milhões, de acordo com o colunista Daniel Castro, nesta quinta-feira (30). No ano passado, o ex-repórter do "CQC" foi acusado de não pagar o condomínio do prédio onde vive.

Segundo o jornalista, a decisão foi tomada pela juíza Maria Rita Rebello Pinho Dias, mas Danilo vai recorrer através de seu advogado, Sergio D'Antino. O valor da multa corresponde a dez salários do apresentador do "The Noite". Quando saiu da emissora do Morumbi, onde comandava o "Agora é Tarde" ele tinha ainda mais um ano de contrato. A Band pediu indenização de R$ 2,4 milhões, mas a magistrada reduziu os valores para R$ 1,920 milhão (índices de dezembro de 2013). Atualizado, o montante ultrapassa os R$ 2 milhões.

A emissora do Morumbi também será indenizada por "danos materiais, lucros cessantes" em virtude dos gastos "excessivos" para a contratação da nova equipe do "Agora é Tarde", que chegou ao fim de março e perdas de anunciantes, de acordo com o colunista. Esse montante anda será atualizado, mas o apresentador só vai precisar pagar à antiga emissora os valores que passarem de R$ 1,920 milhão corrigidos.

'Vamos contestar', afirma o advogado

Na opinião de Sergio D'Antino, o valor da multa foi exagerada, pois o apresentador ganhava R$ 80 mil mensais na emissora dos Saad e tinha contrato de pessoa jurídica. Assim, caberia a ele pagar apenas metade do contrato que faltava cumprir. Traduzindo: seis meses ao invés de um ano. Ou, em reais, 480 mil. "Nós vamos contestar", pontuou o advogado de Danilo, vítima de brincadeira de Silvio Santos em relação aos valores gastos em sua contratação.

Ele alega ainda que a Band não anexou provas ao processo, como o anúncio com a montadora Fiat cujo atual garoto-propaganda é Pedro Bial. "Tudo isso será discutido agora no recurso", finalizou Sergio.

Gentili foi absolvido em acusação de racismo

Em abril passado, o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) absolveu o apresentador em processo movido por Thiago Luís Ribeiro Menezes, que lhe acusou de racismo. No Twitter, o apresentador ofereceu uma banana ao internauta. "Que tal pagar pelos seus crimes perante à Justiça brasileira? Vamos ver agora o que um macaco, preto, neguinho, King Kong é capaz de fazer através da Justiça", escreveu Thiago. Mas segundo o TJ-SP, Danilo não teve intenção de agredir o internauta.

Fonte: Msn