Núbia Óliiver fala sobre book rosa e diz que teve 400 homens

Modelo afirmou que não julga as mulheres que fazem programa.

Núbia Óliiver, 41 anos, passou meses sem se levantar da cama, emagreceu a ponto de voltar a usar manequim 36 e deixou de frequentar a academia, uma de suas paixões. "Cheguei a pensar em suicídio, mas olhava para minha filha e isso me dava forças para continuar", diz ela, referindo-se a Anne, de 11 anos. "Se eu não tivesse ninguém, pularia da janela. Eu não comia nada", completa.O que desencadeou a depressão de Núbia foi falta da medicação que ela tomava há dois anos.

"Deixei de tomar por conta própria porque achei que estava bem", analisa ela, que posou numa casa noturna. Durante o papo, Núbia relembrou que já teve mais de 400 homens. 'Não pretendo parar até eu me casar, quero continuar beijando na boca!", diverte-se.Novamente medicada depois de procurar um novo psiquiatra, Núbia já se sente melhor, mas sabe que a batalha é permanente.

"É a primeira semana que estou levantando da cama e indo para a academia. Para quem estava na cama, dar os primeiros passos, como sair para jantar, ir ao cinema ou posar para um ensaio assim já é uma vitória", diz ela.

"As pessoas me diziam muito que sou linda e bem sucedida, que não era para ficar deprimida. Graças a Deus sei disso tudo, mas sofro da doença, não é 'frescura' como dizem por aí. E sei que me tornei refém do remédio para o resto da vida."

Image title

Book rosa

Núbia é recordista em ensaios nus - ela já posou 16 vezes para revistas masculinas e estará na edição deste ano do Guiness Book, o livro dos recordes. "Difícil para mim é posar com roupa", brinca ela, que ganhou fama nos anos 90 com seus primeiros ensaios e nunca mais parou. Esse tipo de ensaio, no entanto, gera um assédio que nem sempre agrada a Núbia. "Recebo propostas (de fazer programa) por email. Oferecem dinheiro, carros e cavalos, porque sabem que sou fazendeira. Coisas absurdas", conta ela, que tem uma fazenda em Uberaba, no interior de Minas Gerais

.Apesar das propostas, Núbia não julga as mulheres que fazem programa. "Eu acho normal quem faz. É a necessidade de cada uma, ou nem é necessidade, às vezes a pessoa tem quem juntar dinheiro. Acho que não precisa banalizar o assunto, vamos respeitar as pessoas", diz ela.

Famosa desde os anos 90, Núbia acredita que o fato de estar sempre conectada a redes sociais a ajuda a se manter sob os holofotes. Ela nem pensa em aposentadoria ainda "Eu estou sempre na internet, atualizo meu site, minhas redes sociais. Quando for para me aposentar, quero ir embora para minha fazenda, mas ainda não penso nisso.' Ainda mais agora,q ue está vencendo a depressão, Núbia tem muitos planos. "Quero voltar melhor do que eu era. Depois da depressão que tive na gravidez, quando meu marido me largou, esta foi a pior que eu tive. Mas eu costumo dizer que no fundo do meu poço tem uma mola. Vou voltar mais bonita e mais guerreira", afirma.

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title



Fonte: Ego