Pai de Cristiano Araújo processa Zeca Camargo por crônica

A ação pede idenização por danos morais

Image title

A família do cantor sertanejo Cristiano Araújo está processando Zeca Camargo e pede na ação idenização por danos morais e uma exigência de que o jornalista "seja condenado a nunca mais emitir opiniões preconceituosas sobre a cultura e a música sertanejas, sob pena de multa de R$ 50 mil".

Na ação, são citados números de rede sociais de cantor, como os seus 7 milhões de seguidores no Facebook, 2 milhões no Instagram recém-criado e 700 mil inscritos no canal do You Tube.

Na crônica feita por Zeca Camargo veiculada na Globonews ele fala que Cristiano Araújo era "desconhecido"e que "talvez tenha morrido cedo demais apra porvar que tinha potencial".

Segundo Fermanda Moreira, advogada responsál pela ação, familiares e sócios ficaram abalados e ofendidos com o post de Zeca Camargo.

No processo, que está sendo requerido pelo Pai do cantor, João Reis e pela empresa C.A Produções Artísticas, há uma cópia na íntegra da crônica feita por Zeca Camargo e alega que nela "é notório que há o cunho de denegriar a imagem não apenas do cantor [...] como também da própria música sertaneja brasileira". A ação diz ainda que o jornalista foi "Cruel e deobochado"

Em outro momento, é citado como agravante na ação a confusão que o jornalista fez trocando o nome de Cristiano Araújo por Cristiano Ronaldo, no momento que tentava se eexplicar no progrma "Vídeo Show", da Rede Globo.






Fonte: f5.folha.uol