Paulo Gustavo concorda com Fernanda Montenegro: "Essa coisa de foto o dia inteiro é um saco"

E o ator explicou o porque de sua reclamação.

Toda profissão tem seu lado negativo e ser ator, como eles mesmos vivem dizendo, não é só flores o tempo todo. Apesar da agenda flexível e do sucesso que chega para uma pequena parcela dos que lutam pelo reconhecimento, a fama também tem seu lado negro. E foi sobre a insistência em estar sempre bem humorado e sorridente que Paulo Gustavo falou em seu Instagram, na madrugada desta segunda-feira (29), ao comentar uma entrevista dada por Fernanda Montenegro, que disse não gostar muito de fazer fotos com os admiradores em aeroportos e outros espaços públicos.

“Eu concordo com ela! Meus fãs continuam sendo amados e eu sou eternamente grato, mas a gente sofre com isso, com foto! Que a verdade seja dita! A gente quer fazer sucesso, quer ser reconhecido como em qualquer profissão, mas essa coisa da foto o dia inteiro é um saco! Chega uma hora que vou te contar uma coisa... Qualquer ser humano no nosso lugar ficaria exausto e cansado! É chato!”, desabafou.

E o ator explicou o porque de sua reclamação. Normalmente, as pessoas exigem que eles, artistas, estejam sempre em ótimo humor para fazer piadinhas e brincadeiras com o público fora dos palcos. Acontece que não é sempre assim, afinal, existem pessoas atrás de seus personagens.

“Quando resolvi ser ator, pensei em fazer algo que o público amaria assistir, algo do tamanho e da importância da minha plateia! Nunca subestimei o público! Acho que sempre penso em fazer algo que o público saia satisfeito! Porque penso na qualidade do meu trabalho e no prestigio, mais do que na fama. Por isso acho que quem gosta do meu trabalho vai entender! Essa coisa da fama, da selfie, do artista intocável não existe! Eu só agrado vocês porque sou igual a vocês”, continuou.

Ele também pediu para que as pessoas parassem de se agredir nos comentários das fotos, quando ele falava de algo. Entre críticas e elogios, normalmente, perfis acabam deixando mensagens maldosas, que ele reprova:

“E queria aproveitar o momento para dizer que não queria que meus fãs agredissem ninguém na minha página! Odeio briga! Cada um tem uma opinião! Deixa as pessoas pensarem como elas quiserem! Bora ser feliz!”

Paulo também explicou que sempre faz fotos com os fãs, mesmo em plateias maiores, depois do espetáculo. Sem neuras com o assunto, o ator disse que só não atende aos admiradores quando se apresenta em casas de shows, que recebem mais de três mil pessoas, afinal, como ele definiu:

“Qualquer ser humano normal, saberia que fica inviável”. O ator também reclamou que até quando estava no hospital com sua irmã internada já pediram fotos.

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: O Fuxico