PMs podem ser expulsos da corporação por serem flagrados dormindo dentro de viatura

Os PMs tiveram as carteiras de identidade da corporação recolhidas e os portes de armas revogados.

Três policiais militares da UPP da Vila Kennedy, na Zona Oeste, foram submetidos a Conselho de Disciplina e podem ser expulsos da corporação por serem flagrados pelo comandante da unidade dormindo dentro de uma viatura. Os PMs tiveram as carteiras de identidade da corporação recolhidas e os portes de armas revogados. O caso teria acontecido por volta de 1h do último dia 7 e foi publicado no Boletim Disciplinar Reservado (BDR) 030, na última segunda-feira.

De acordo com o documento, os soldados Vitor de Oliveira Espolador, Alexandre Cordeiro de Souza e Daniel Ribeiro de Araujo estavam na viatura 54-7384 quando o capitão Gabriel Wagner Roselia os viu dormindo. Eles foram presos em flagrante e ficaram quatro dias no Batalhão Especial Prisional (BEP), em Benfica.

Segundo o boletim, o fato demonstra "desinteresse com as missões destinadas às UPPs e à própria Polícia Militar, bem como o menosprezo pelas suas próprias vidas em função das ações criminosas que assolam a população do Rio".

Procurada, a assessoria de imprensa da Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP) informou que o capitão Gabriel Rosella agiu de acordo com as determinações do regulamento da corporação. Ele encaminhou os três policiais para a 8ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (DPJM), onde foram autuados em flagrante e conduzidos para o BEP.

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Extra