Homem de 60 anos mata casal por deletar sua filha do Facebook

Homem de 60 anos mata casal por deletar sua filha do Facebook

Um bebê de oito meses, filho de Billie Jean, foi encontrado no local com vida

Deletar alguém do Facebook pode trazer consequências mais graves do que se pensa. Marvin Potter, de 60 anos, foi indiciado pela polícia norte-americana por ter assassinado a tiros um casal que excluiu a sua filha da lista de amigos da rede social. Billy Payne Jr, de 36 anos, e Billie Jean Hayworth, de 23, foram encontrados mortos em sua casa no estado do Tennessee.

De acordo com informações do site "Timesnews.net", ambos tinham ferimentos de bala na cabeça. Um bebê de oito meses, filho de Billie Jean, foi encontrado no local com vida. O xerife Mike Reece, responsável pelas investigações, deu mais detalhes sobre o caso em entrevista ao jornal The Tomahawk.

Segundo ele, Jenelle Potter, filha do assassino, estaria ameaçando o casal após eles terem-na excluído de seus perfis no Facebook. O motivo, no entanto, não foi revelado. "Uma coisa sem sentido", disse Reece, que explicou ainda que o casal foi encontrado morto no dia 31 de janeiro, quando um vizinho foi até a casa deles para entregar correspondências recebidas por engano.

Quem também estaria envolvido no assassinato é Jamie Curd, de 38 anos, primo de segundo grau de Jenelle e que teria um romance com ela. Durante a investigação, mais de 150 pessoas foram interrogadas até que se chegasse à conclusão do caso. Marvin Potter e Jamie Curd foram detidos na última terça-feira (07) e continuam presos até serem julgados.

Fonte: Tech Tudo