Homem vive 10 anos com tumor do tamanho de bola

Tumor ficou conhecido como "alien" por ter desenvolvido "tentáculos"



Um homem de 36 anos sobreviveu durante 10 anos com um tumor no tórax do tamanho de uma bola de futebol nos Estados Unidos. Um ano após retirar o câncer, que pressionava o coração e deslocava pulmões e estômago, o vice-diretor de escola Josh Abken ainda passa por exames de tomografia para saber se a ameaça pode retornar.

O norte-americano, morador da cidade de Sacramento, na Califórnia, procurou os médicos em 2010, reclamando de fortes dores nas costas. Ao passar por exames de raios-x, foi informado sobre um câncer agressivo, grande como uma bola e que havia desenvolvido "tentáculos".

Para retirar o tumor, que estava parcialmente calcificado e endurecido, o médico Constanzo Di Perna, que cuidou de Josh, precisou de várias horas de cirurgia.

O câncer ficou conhecido como "tumor alien" pela imprensa norte-americana e recebeu até um nome próprio: "Gill". Os parentes de Josh chegaram a fazer camisetas com os dizeres "Kill Gill" ("Mate Gill", em alusão ao filme "Kill Bill", de Quentin Tarantino), para apoiar o norte-americano no combate à doença. As informações são da "CBS Sacramento".

Fonte: g1, www.g1.com.br