Idosa sobrevive após 3 semanas trancada em banheiro

O banheiro não tinha janela e a idosa, que mora sozinha, não conseguiu alertar seus vizinhos

Uma idosa francesa de 69 anos ficou trancada no banheiro de sua casa por 20 dias, após o trinco da porta ter quebrado. Segundo a equipe que a resgatou, ela sobreviveu tomando água da torneira.

O banheiro não tinha janela e a idosa, que mora sozinha, não conseguiu alertar seus vizinhos, afirma uma fonte ligada às investigações, citada pelo jornal "Le Parisien".

A mulher, que mora em Epinay-sous-Sénart, nos arredores de Paris, ficou trancada no banheiro desde 1° de novembro até a última sexta-feira.

"Ela apenas tomou água quente da torneira", diz um responsável ligado às investigações.

"O trinco foi quebrado por dentro e era impossível abri-lo. O local não tinha janela e ela não podia pedir socorro", afirma o policial ao jornal francês.

A sexagenária só foi libertada graças a um vizinho que ficou preocupado, já que não a via mais circulando pelo prédio e alertou a polícia.

Ao baterem à porta do apartamento, os policiais ouviram um pedido de socorro.

Resgate

Os bombeiros conseguiram resgatá-la após quebrarem a janela do quarto para entrar no apartamento e derrubarem a porta do banheiro.

A idosa, que visivelmente havia perdido peso, estava enfraquecida e em estado de choque, deitada no chão do banheiro.

Ela foi levada imediatamente para o hospital e continua internada, segundo o jornal francês.

Sem a intervenção do vizinho, o caso poderia ter um desfecho trágico.

"Eu ouvia barulhos, mesmo durante a madrugada, semelhantes ao de um martelo batendo, e pensei que alguém estava fazendo obras à noite. Cheguei a me irritar porque isso me impedia de dormir. Se tivesse imaginado...", disse outro vizinho que mora no andar da mulher.

Vários estudos afirmam que uma pessoa pode sobreviver até cerca de um mês apenas ingerindo água regularmente e sem fazer esforço físico.

No terremoto no Haiti, em janeiro passado, uma adolescente permaneceu 15 dias soterrada nos escombros do banheiro da escola e só teria sobrevivido porque bebeu água de uma banheira, segundo relatos na época.

Fonte: g1, www.g1.com.br