Programa Incrível, da Rede Meio Norte, chama atenção para preservação e extinção de espécies

Programa Incrível, da Rede Meio Norte, chama atenção para preservação e extinção de espécies

Incrível será exibido hoje, às 22h30, e amanhã, às 15h, pela Rede Meio Norte.

Despertar o telespectador para cuidar do seu ambiente. Essa é a proposta do Incrível, que será exibido hoje, às 22h30, e amanhã, às 15h, pela Rede Meio Norte, que tem desenvolvido trabalho para o despertar de uma consciência global.

Apresentado por Alcide Filho, O Incrível vai mostrar que a consciência global é também local, pois qualquer desequilíbrio que restringe ou cause impacto a uma espécie isolada prejudica e ameaça ou-tras formas de vida.

?O Incrível é mais um declarado compromisso da Rede Meio Norte com o Meio Ambiente e o bem-estar socioambiental?, diz Alcide. Segundo pesquisa, mesmo se as emissões de CO2 fossem interrompidas amanhã, o aquecimento global iria continuar por mais um século, elevando as temperaturas médias em poucos décimos de grau.

?Os cientistas chamam isso de ?aquecimento comprometido? e acontece porque os oceanos demoram muito para aquecer, se comparados com a atmosfera. Os mares trabalham como um grande ar-condicionado, mantendo a atmosfera mais resfriada do que estaria com o atual nível de CO2?, explica Alcide.

O clima mais quente e um índice de umidade maior favorecem a procriação de insetos, como os transmissores da dengue e malária. As temperaturas mais elevadas levam os mosquitos a digerir o sangue mais rapidamente e a se alimentar mais vezes.

De caráter informativo e educativo, a equipe do Incrível explica que o aumento da produção e os níveis de poluição fazem crescer a incidência de doenças crônicas, incluindo câncer, alergias e um número maior de crianças com defeitos ou mutações degenerativas de nascimento.


Incrível chama atenção  para cuidados com preservação e extinção das espécies

O programa vai mostrar que a espécie humana é uma ameaça a toda a vida na Terra. ?O maior ataque contra a sobrevivência da humanidade é o desmonte que nós mesmos estamos provocando nas frágeis, múltiplas e invisíveis interconexões biológicas e ambientais. Nada nasce ou morre sozinho.

Tudo está ligado a tudo?, afirma o apresentador, explicando ainda que a extinção brusca de uma espécie provoca uma reação de desconexão na teia e cadeia alimentar praticamente impossível de restaurar. ?Extinguir significa cortar o fluxo multidirecional de energia que abastece todas as vidas conectadas à espécie extinta?, finaliza.


Incrível chama atenção  para cuidados com preservação e extinção das espécies

Fonte: Jornal Meio Norte