Jeff Conaway, de "Grease", morre aos 60 anos, após overdose

Ator estava internado em coma desde o último dia 11

O ator Jeff Conaway, cujo papel mais famoso foi em "Grease - Nos tempos da brilhantina", morreu nesta sexta, 27, aos 60 anos. A informação é do site TMZ, que afirma ter confirmado a morte com a família do ator.

Conaway estava em coma após tomar uma overdose de analgésicos. Segundo o "Daily Mail", Jeff foi encontrado inconsciente no chão de sua casa em Encino, na Califórnia, no último dia 11. De acordo com seu agente, Phil Brock, ele teria ficado inconsciente por nove horas antes de ser encontrado.



Depois da constatação da morte cerebral, a família decidiu autorizar o desligamento dos aparelhos que o mantinham vivo. De acordo com informações do site E!, sua namorada, Vikki Lizzi, foi ao tribunal pedir o direito de visitá-lo uma última vez antes do desligamento.

Os dois tinham um histórico de brigas e ordens judiciais um contra o outro, mas teria sido Vikki quem supostamente encontrou Conaway desacordado depois da overdose.

Ao longo da vida, o ator enfrentou muitos problemas por causa do vício em analgésico e bebidas e em 2008 participou do reality show "Celebrity Rehab", uma espécie de clínica de reabilitação de famosos. Também frequentou a Cientologia para tentar se livrar do vício, após conselhos de John Travolta, seguidor da religião.

O ator ficou conhecido por seu personagem T-Bird Kenickie no musical "Grease" e, mais tarde, na série de TV "Taxi". Antes de "Grease", ele participou de séries como "Happy Days", "The Mary Tyler Moore Show", "Barnaby Jones" e "Kojak". Conaway foi casado com Rona Newton John, irmã de sua colega de elenco em "Grease" Olivia Newton. O casamento durou de 1980 até 1985. Em 1990, ele se casou com Michele Conaway, de quem se separou alguns anos depois.

Fonte: EGO