Jogador ex-Fla passa 4 dias preso por não pagar pensão a ex

Jogador ex-Fla passa 4 dias preso por não pagar pensão a ex

Antes mesmo da partida policiais acompanharam um oficial de justiça até o vestiário do Macaé, onde o jogador teve voz de prisão decretada.

O meio-campo André Gomes, do Macaé, foi libertado nesta terça-feira após quatro dias preso por não pagamento de pensão à ex-mulher e aos filhos. O jogador, que já defendeu as cores do Flamengo, foi detido no último sábado depois do jogo contra o América, no estádio Claudio Moacyr, em Macaé.

Antes mesmo da partida policiais acompanharam um oficial de justiça até o vestiário do Macaé, onde o jogador teve voz de prisão decretada. A situação de constrangimento junto aos jogadores e a comissão técnica foi inevitável, mas a diretoria do clube conseguiu convencer o oficial a aguardar o fim da partida para executar o mandado de prisão.

André Gomes então optou por entrar em campo e jogar contra o América. O meia foi substituído no segundo tempo e ao fim da partida foi encaminhado para a carceragem da Polinter na cidade. Mais uma vez a diretoria do clube entrou em ação, conseguindo que André Gomes fosse colocado em separado de outros presos comuns.

Nesta terça-feia, o meio-campo voltou aos treinos e vai estar em campo domingo, contra o Flamengo, seu ex-clube. O processo contra André foi impetrado na justiça em 2005 pela ex-mulher, pedindo aumento no valor da pensão. Para ser libertado os advogados do jogador chegaram a um novo acordo.

Fonte: Extra, extra.globo.com