Ju Paes sobre cenas de sexo: "Difícil não é fazer, é assistir"

Com um sotaque nordestino acentuado, Juliana contou como se preparou para encarnar a personagem principal da obra de Jorge Amado.

Protagonista do remake de "Gabriela", Juliana Paes roubou a cena no lançamento da novela nessa segunda-feira, no restaurante Amado, em Salvador, na Bahia. Sem a companhia do marido, Carlos Baptista, a atriz apareceu deslumbrante em um vestido de renda renascença, da grife de Martha Medeiros, e esbanjou simpatia.


Juliana Paes sobre cenas de sexo:

Com um sotaque nordestino acentuado, Juliana contou como se preparou para encarnar a personagem principal da obra de Jorge Amado. ?Fiz muita aula de prosódia e não largo mais esse sotaque até o fim da novela. Vou ficar falando assim o tempo inteiro?, disse. A atriz contou também que aprendeu a fazer comida baiana. ?Agora eu sei fazer de tudo. Sei fazer acarajé e até abará, que é o meu prato preferido. Hoje eu até fritei um acarajé no Pelourinho?.

Juliana revelou que não teve dificuldade em gravar cenas de sexo com Humberto Martins, que interpreta Nacib, seu par romântico na trama. ?O mais difícil não é fazer, mas assistir depois as cenas. É uma tortura?. Quando questionada se o marido fica enciumado, ela desconversou. ?Ai, gente, deixa meu marido quieto?.

A atriz disse ainda não se importar com os comentários que circularam na Internet de que ela era muito imatura para viver a personagem. ?Todo mundo pode achar o que quiser. Eu só quero fazer o meu da melhor maneira?. Juliana contou também que não viu muita coisa da primeira montagem da novela, que foi exibida em 1975, mas que Sônia Braga é uma inspiração. "Tivemos uma conversa breve. Ela me parabenizou e mandou um cartão. Ela é uma ótima inspiração?.

Família

Mãe do pequeno Pedro, de um ano, Juliana disse que tem pressa em aumentar a família. ?Pode ser logo depois da novela. Não quero esperar muito?, afirmou em relação ao desejo de engravidar novamente. A atriz confessou ainda que tem sido difícil conciliar a rotina de gravações com o papel de mãe. ?Tem uns três dias que chego em casa e só encontro Pedro dormindo. Mas é aquela coisa: eu descanso na ideia de que ele não vai esquecer que sou a mãe dele?, brincou. A morena conta que já identificou no filho uma veia artística. ?Nunca vi criança para gostar tanto de aplauso. É um palhaço, um gaiato ele?, finalizou.

As informações são do repórter Victor Albuquerque, do IG

Fonte: ODIAONLINE