Justiça nega pedido de Belo de impedir Vivi Araújo de falar dele

Justiça nega pedido de Belo de impedir Vivi Araújo de falar dele

Cantor temia que sua ex pudesse revelar algo de seu passado durante período de confinamento em reality show

A 19ª Vara Cível do Rio de Janeiro negou, nesta quarta-feira, 6, o recurso do cantor Belo, que tentava impedir que sua ex-mulher Viviane Araújo fizesse qualquer comentário que violasse sua honra durante o confinamento dela no reality show "A Fazenda".

A chamada ação inibitória foi apresentada no início da semana, e previa multa de multa R$ 500 mil para cada comentário que fosse prejudicial a Belo. De acordo com a assessoria de Viviane Araújo, a ação foi negada, e o cantor e sua mulher, Gracyanne Barbosa - que também era autora na ação - , entraram com recurso. Nesta quarta-feira, 6, saiu a decisão final desconsiderando o pedido.

Liberdade de expressão

De acordo com o despacho, não há qualquer prova de que Vivianar Araújo fará comentários a cerca dos autores - e que a constituição lhe garante a livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato. Além de lhe assegurar o direito a liberdade de expressão da atividade intelectual, artística e de comunicação, independentemente de censura ou licença. O documento termina dizendo que até o momento não há prova da alegação inicial (ofensa) e que a ação deve ser indeferida.

Procurada para falar sobre o caso, a assessoria de imprensa de Viviane Araújo disse que preferiu se manifestar apenas após a decisão final do caso e que considera tudo uma grande bobagem.

"Isso tudo é uma grande bobagem. Não podem proibir a Viviane de falar sobre ele porque essa é a história dela também. Além disso, não entendemos o por que dessa preocupação", disse.

O advogado do cantor Belo foi procurado para comentar a decisão, mas até o momento não se manifestou.


Justiça nega pedido de Belo de tentar impedir Viviane Araújo de falar dele

Fonte: EGO