Massagista desiste de processar John Travolta por assédio sexual

O aviso de desistência do processo foi registrado no tribunal de Los Angeles nesta terça-feira, 15.

John Travolta tem um processo judicial a menos para se preocupar. Segundo a revista "People", o primeiro massagista a processar o ator, identificado apenas como John Doe número um, desistiu do processo contra Travolta, depois do aumento de evidências que, aparentemente, contradizem a sua versão da história.

Em entrevista à "People", Okorie Okorocha, advogado do massagista, explicou o motivo da desistência. "Digamos apenas que nós tínhamos opiniões diferentes sobre como analisar o caso e acabamos decidindo nos separar", contou.

O aviso de desistência do processo foi registrado no tribunal de Los Angeles nesta terça-feira, 15.

Fonte: EGO