Médico de Michael Jackson deve mais de US$ 770 mil

Sua mansão em Las Vegas é alvo de execução judicial

O médico de Michael Jackson está devendo mais de US$ 770 mil (R$ 1.4 milhão) e sua mansão em Las Vegas é alvo de execução judicial, revelam documentos publicados nesta sexta-feira.

Conrad Murray, cuja casa e o consultório de Las Vegas foram revistados na última terça-feira (28), começou a trabalhar para Jackson em maio passado, após sofrer um arresto de equipamentos no valor de US$ 363 mil (R$ 677,4 mil).

O médico, condenado a pagar US$ 71 mil (R$ 132,5 mil) em créditos estudantis atrasados, enfrenta ainda a penhora de sua casa de Las Vegas por uma dívida de US$ 100 mil (R$ 186,6 mil) em pagamentos de hipoteca, e desde janeiro não paga os US$ 15 mil (R$ 27,9 mil) mensais que deveria pagar pelas parcelas da casa.

Murray enfrenta outros dois processos por contas não pagas no valor de US$ 240 mil (R$ 447,8 mil), gastos com a compra de equipamentos para seu consultório de base em Las Vegas, o Global Cardiovascular Associates.

A montanha de dívidas pode explicar por quê Murray abandonou o próprio consultório em Las Vegas para aceitar um trabalho de US$ 150 mil (R$ 279,9 mil) mensais como médico particular de Jackson.

Fonte: Folha Online, www.folha.com.br