Menina recebe dose de vacina para cães. Veja!

Ela está em observação, mas não apresentou sintomas de reação alérgica

Uma criança de 9 anos está em observação desde segunda-feira (11), quando recebeu por engano uma dose de vacina antirrábica para animais. A menina havia sido mordida por um cachorro em Ouro Branco (AL) e procurou atendimento médico. Em vez da vacina humana, foi aplicada a vacina animal. Até o início da tarde desta quarta-feira (13), a paciente não havia manifestado nenhuma reação.

De acordo com o responsável pela área técnica de zoonoses de Alagoas, Valmir Costa, o princípio ativo das duas vacinas é o mesmo. ?A diferença é que a vacina humana é mais purificada, tem menos aditivos que a animal. Por isso, provavelmente, não vai acontecer nada com a criança?, afirma.

Segundo Costa, houve um erro de procedimento que é inaceitável, mas a vacina foi produzida por um laboratório que não tem histórico de reações adversas. ?Se fosse a mesma vacina que tem causado problemas no Sul do país, seria um caso sério, pois a criança poderia ter as mesmas reações que os animais tiveram, mas felizmente não foi o caso?, disse o técnico.

A Vigilância Epidemiológica de Alagoas vai continuar monitorando a paciente até que se complete 72 horas da aplicação da vacina. De acordo com a Secretaria do Estado da Saúde, a menina foi atendida pelo Hospital de Doenças Tropicais em Maceió e liberada. Ela está em casa, sob observação da família e da vigilância epidemiológica.

Fonte: g1, www.g1.com.br