Missa para vítimas de ataque à escola terá helicóptero com flores

Missa para vítimas de ataque à escola terá helicóptero com flores

Cerimônia contará com as presenças do governador, prefeito e arcebispo.

A missa de sétimo dia para as vítimas do massacre na escola Tasso da Silveira, em Realengo, na Zona Oeste do Rio, terá um helicóptero da Polícia Civil jogando pétalas de rosas em homenagem às famílias atingidas. A solenidade, que acontece na manhã desta quarta-feira (13), será ministrada pelo arcebispo Dom Orani Tempesta.

?Nessa missa nós queremos trazer esperança e confortar todas as pessoas. Não apenas os familiares, mas toda a população que ficou extremamente abalada com este fato. Portanto, nós teremos a missa com a presença das autoridades da cidade e do estado, o governador Sérgio Cabral, o prefeito Eduardo Paes, o secretário de Segurança, a secretária de Educação, e também, ao final da santa missa nós teremos um culto interreligioso, com a presença das autoridades representantes das outras denominações religiosas?, afirmou Monsenhor Luis Arthur falcão, vigário episcopal Zona Oeste.

Crianças voltaram a escola

Funcionários começaram a montar ainda no fim da tarde de terça-feira (12) o palco que será usado para a realização da missa. O dia foi de grande movimentação na escola municipal Tasso da Silveira. Pais e alunos voltaram ao local onde 12 crianças foram mortas para buscar o material que ficou nas salas.

Um grupo de crianças se reuniu na porta da escola para um abraço simbólico. Leonardo Gomes dos Santos, de 15 anos, Isabel Monteiro, de 16, eram dois dos que deram as mãos para rezar na frente do portão. "A gente deciciu vir porque foi um episódio muito triste", lembrou Leonardo. Isabel está organizando uma passeata pela paz, que deve percorrer as ruas do bairro, ainda sem data definida.

Fonte: g1, www.g1.com.br