Adeus, empreguete! Taís Araújo encarna dançarina estilosa dos anos 20

Adeus, empreguete! Taís Araújo encarna dançarina estilosa dos anos 20

Taís Araújo se despe da empreguete Penha para viver Josephine Baker na Glamour #4

Em ensaio clicado no Teatro Oficina, em São Paulo, a atriz tira o figurino da da personagem da novela Cheias de Charme para encarnar a dançarina que hipnotizou Paris nos anos 20 com seu erotismo gracioso e styling glamouroso.

Taís Araújo não pensou duas vezes: ?Josephine Baker. Quero encarnar Josephine Baker!?. E foi assim, decidida, que a atriz topou posar para a capa e ensaio da Glamour de julho, fotografado por Isabel Garcia no Teatro Oficina, em São Paulo. Decidida e bem humorada, diga-se de passagem. Vale lembrar que tomamos o único dia livre de Taís com o maridão, Lázaro Ramos (que escreve sobre ela nesta edição), e Bombomzinho, seu filho de 1 ano. Clique aqui para ver as imagens exclusivas dos bastidores do ensaio!

E foi com toda essa boa vontade, cantarolando enquanto provava as roupas glamourosas do ensaio, que a atriz entrou no papel da diva negra que abalou Paris nos anos 20 e que, assim como Taís, enfrentou e venceu muitos obstáculos do preconceito racial. ?O Brasil é muito preconceituoso. Agora, com meu filho pequeno, é que vou ver a porca torcer o rabo. Dói mais na gente quando é com um filho nosso?, disse em entrevista para a edição que chega às bancas dia 27 de junho.

Só para você ficar com ainda mais vontade de ler a nossa #4, confira alguns trechos do que ela contou para nossa editora de comportamento e celebridades, Paula Merlo. E não deixe de conferir abaixo também os dois vídeos com os bastidores do ensaio!

Taís na companhia da modelo Marcelle Bittar. Clima de cabaré no Teatro Oficina (Foto: Isabel Garcia)

Como seria um dia perfeito na sua vida?

Estou precisando muito de folga. Seria tão bom poder ficar com meu filho, levá-lo ao parque, conseguir dar banho nele, almoço... e dormir cedo! Então, basicamente, um dia perfeito seria um dia de folga!

E como está seu closet pós-maternidade?

Estou em crise com meu armário desde que tive o João Vicente (o menino fez 1 ano em junho). Preciso de mais calças que me possibilitem levantar e abaixar, por causa do bebê, e de peças mais adultas. Não sei o que é. Sei que não estou feliz com o que tenho no guarda-roupa, mas também não estou com paciência nem tempo para ver coisas novas. Paciência...

Em Xica da Silva (1996), fizeram contagem regressiva para você completar 18 anos e levarem ao ar suas cenas nua. Como está a relação com seu corpo?

Eu e meu corpo nos damos superbem, mas não gosto de me expor. Posar pelada, nem pensar! Comprei tudo o que queria até hoje sem precisar fazer isso. Também não tenho grandes ambições, e a questão de vaidade resolvo comigo mesma, diante do espelho. Mas sabe que, depois que tive filho, meu corpo mudou para melhor? Não estou mais tão magra, minhas curvas estão mais definidas. Se tivesse frequentado a academia, certamente estaria com um corpo incrível!


Adeus, empreguete! Taís Araújo encarna dançarina estilosa dos anos 20

Adeus, empreguete! Taís Araújo encarna dançarina estilosa dos anos 20

Fonte: Glamour