Para ter visual mais ousado, Mulher de Kaká contrata stylist

Para ter visual mais ousado, Mulher de Kaká contrata stylist

Mulher de Kaká revela suas preferências na moda, admite que adora loja de departamentos e dá dica: "A personalidade não pode ficar embaixo da roupa".

Quando Carol Celico se casou com Kaká, ela usava um Dior. Mas o mundo ainda não prestava muita atenção na jovem paulista. Com o passar do tempo e a vida na Europa, Carol passou a ficar mais exposta e aos poucos foi conquistando seu espaço para além do título de ?mulher de jogador?.

A mudança de estilo foi acontecendo aos poucos e começou, na verdade, com um desejo de Kaká.

Depois de virar garoto-propaganda da grife Armani, ele passou a se preocupar em estar sempre bem vestido e assim surgiu a vontade de ter um personal stylist. ?A ideia de contratar o amigo e stylist Yan Acioli foi do Kaká. Eu ainda estava grávida, então não tinha interesse. Acabei convivendo mais com o Yan, e a parceria surgiu. Para mim, ter um stylist é essencial com a vida corrida que levo, a exposição e as muitas arrumações de malas?, afirma Carol.

Além da preocupação em se apresentar bem, Carol considera natural o desejo de mudança: ?Eu casei aos 18 e hoje tenho 25. Acho que é natural mudarmos nosso jeito de vestir e as influências da moda em nosso dia a dia. O amadurecimento é constante e para sempre.?

Apesar da ideia inicial ter partido do marido, Kaká não costuma opinar muito nas escolhas dos looks de Carol: ?É muito difícil ele falar algo. Uma das coisas que ele sempre gostou em mim é a forma como me visto.?

Ajuda profissional

Yan Acioli, que também é o responsável pelos looks de Sabrina Sato, acredita que para ter um stylist é preciso mais do que dinheiro: ?Você tem um personal stylist principalmente porque você gosta de moda, não só porque é um serviço de luxo, senão fica banal. Eu falo ?não? piamente se for só pelo dinheiro. Eu preciso de uma mulher que queira, que goste de moda.?

Para Yan, ter uma cliente como Carol facilita muito: ?Quem sou eu para falar que ela aprendeu alguma coisa? O background dela de moda, pelas marcas que vestiam o marido, pelos lugares onde ela já morou.

A gente tem uma sintonia, prefiro falar assim. Quando você trabalha com personal stylist todo mundo tem fases. Não fui eu que ensinei ou ela que aprendeu, a gente passou de uma fase para outra de personalidade que mudou e refletiu na roupa.?.

Bem resolvida com a sensualidade

Carol não se importa nem um pouco com os pitacos do profissional em sua vida: ?Ele faz sugestões. Eu decido se acato ou não. Facilita muito até na hora de comprar. Ele já olha tudo e faz uma seleção incrível para eu ver", vibra ela. O combinado entre eles é que Yan viaje de quatro em quatro meses para Madrid, onde Kaká e Carol moram atualmente, para fazer compras e avaliar o estilo de sua cliente.


Com ajuda de stylist, Carol Celico muda estilo e visual fica mais ousado

Com ajuda de stylist, Carol Celico muda estilo e visual fica mais ousado

Para o stylist, ter clientes como Carol Celico ou Sabrina Sato não faz diferença. O importante é que elas sabem que seu trabalho envolve um lado mais sexy: ?Você não me procura sem saber qual é o perfil do meu trabalho. Por mais que elas sejam diferentes, são duas mulheres muito bem resolvidas com a sensualidade. A Caroline, é óbvio, todo mundo percebeu: o comprimento da roupa, o cabelo que a gente mudou, a maquiagem, as joias...Tudo mudou.?

Cabelo foi marco

A mudança do estilo já vinha acontecendo, mas foi quando Carol radicalizou e cortou os cabelos que as pessoas notaram mais. Para Yan, o corte foi um marco, mas ele conta que não foi fácil convencê-la: ?A gente já tinha feito dois encontros antes, aquele foi o nosso terceiro encontro. E ali eu falei: ?Pronto, nasceu?. Porque ela já tinha dado à luz, já tinha voltado ao corpo dela, a gente já tinha feito um guarda-roupa novo... A revolução foi o cabelo.?

Agora acostumada, ela não pensa em mudar nem mesmo a cor: ?Já clareei um pouco e voltei a escurecer novamente. Gosto da cor que ele está hoje, castanho claro. Por enquanto estou feliz assim, não penso em mudar tão cedo.?

Compras em lojas de departamento

As marcas preferidas de Carol são muitas e ela não gosta de dizer apenas uma. A Dior sempre fez parte da sua vida, mas outras grifes a agradam: ?Gosto também da Givenchy, onde é difícil achar uma peça que não dê para usar sempre. As bolsas clássicas da Chanel, não tem erro. Sapatos Loboutin e Yves Saint Laurent fazem a alegria de qualquer mulher! Inclusive a minha!?

Mas engana-se quem pensa que ela vive com roupas caras. Carol confessa que adora uma loja de departamento: ?Eu vivo na cidade Zara (famosa loja de departamentos que tem filiais no mundo todo).

Gosto muito de peças básicas, como camisas de seda, que são bem mais baratas e ainda com qualidade, para usar no dia a dia. Levanta o look e não ficamos com receio de usar a vontade!?

Maquiagem e acessórios

Carol não costuma sair de casa com a maquiagem carregada. Para o dia a dia, ela não dispensa o filtro solar com base e um corretivo para as olheiras.

Diferentemente da maioria das mulheres, ela faz a linha prática quando o assunto são acessórios: ?Depois que nos tornarmos mães, as pulseiras são a primeira coisa que aposentamos. Acabei ficando com esse hábito de não usar muito?, explica ela, que prefere os brincos.

?Pequenos, médios ou grandes, são os que me trazem mais diferença na luminosidade do rosto?, ensina.

Site e novos projetos

A ideia de transformar o seu site em um espaço onde dá dicas para leitoras surgiu da própria demanda dos que a acompanham na internet. Para ela, o projeto do site está longe de ser um espaço para futilidades: ?Hoje o CarolCelico.com é um local que consigo fazer o bem, compartilhando em amor ?receitas? de vários assuntos, simples, que não consistem em futilidade, e sim no objetivo de aumentar a autoestima da mulher.?

Quanto a avançar no mundo da moda com projetos como uma linha de joias ou uma coleção de roupas, por exemplo, ela acha que não é a hora: ?Já tive algumas propostas para ambos. Mas não acredito ser o momento. Prefiro amadurecer alguns conceitos antes de investir em um trabalho tão complexo e delicado.?

"Escolha peça que realçam seu corpo"

Para quem também quer mudar de estilo, Carol dá a dica: "Acredito que tudo deve ir de acordo com quem voce é. Sua personalidade não pode ficar embaixo da roupa, e sim, a roupa tem que interpretar quem voce é. Escolha peças que realçam seu corpo. Valorize o que você gosta em você mesma. Ande de acordo com sua idade. E não use nada que não te deixe confortável! Conforto e bem estar têm que vir em primeiro lugar!"

Fonte: EGO