Dicas de nutricionistas ajudam a gastar até 43% menos na dieta

Dicas de nutricionistas ajudam a gastar até 43% menos na dieta

Segunda-feira é o dia que muitos escolhem para iniciar uma dieta. Mas a decisão de perder peso pode pesar no bolso, pois os produtos menos calóricos são mais caros do que as versões tradicionais. Um pacote de pão de forma light, por exemplo, custa R$ 6,29. Na mesma loja, a versão normal sai por R$ 3,48, ou seja, é 44% mais barata.

Nutricionistas, porém, mostram que é possível emagrecer de maneira saudável e econômica, sem, necessariamente, recorrer às versões light, que têm redução de 30% de alguma substância. A nutricionista Tatiana Pereira ressalta que o consumidor deve observar o rótulo das mercadorias para compará-las:

? Um iogurte desnatado comum pode ter calorias semelhantes às de um light e ser muito mais barato.

A especialista lembra que quem quer perder peso deve substituir, sempre que possível, os itens industrializados pelos naturais e investir, principalmente, em frutas, legumes e verduras da estação, que são mais baratos e ricos em nutrientes.

A nutricionista Gisela Peres, da Santa Casa da Misericórdia do Rio de Janeiro, diz que mesmo quem opta por complementar a alimentação voltada para a redução de peso com sementes e grãos de dietas ?da moda? pode fazer economia, comprando os artigos a granel no lugar das embalagens fechadas vendidas em lojas de produtos naturais. Um exemplo é a semente de chia: 200 gramas são vendidos por R$ 27 em lojas de artigos naturais (o quilo sai por R$ 135). Na venda a granel, o quilo custa R$ 76. Fica 43% mais barato.

A analista ambiental Adriane Caldas Silva, de 36 anos, sempre compra linhaça e aveia a granel:

? É muito mais barato e fresquinho.

Algumas receitas também podem garantir um cardápio mais econômico. A receita de hambúrguer light feita em casa sai, em média, por R$ 8, com carne bovina, ou R$ 6, quando feita com frango. Os itens industrializados custam, respectivamente, R$ 11 e R$ 12,50 e são mais calóricos. O hambúrguer de peru light é vendido por R$ 14 em supermercados.

Fonte: Extra