Ex-vereadora posa quase nua para a revista Playboy

Ex-vereadora posa quase nua para a revista Playboy

Queria fazer uma foto bonita com o meu corpo cheio de defeitos, declarou a jornal

Soninha Francine declarar, em recente entrevista, que jamais a convidariam para posar na revista Playboy que o convite surgiu. Em entrevista à coluna de Mônica Bergamo, no jornal Folha de São Paulo, a ex-vereadora explicou como foi parar na seção "Mulheres que amamos" da revista que chega às bancas no próximo dia 9: "Eles me ligaram, falaram que eu estava enganada e me convidaram. Eu falei não porque não me sinto à vontade. Não sou modelo, não gosto das minhas fotos.

Perguntaram se eu faria um retrato sensual e eu falei "beleza!"". Soninha posou sem camisa, dando a impressão de que estava totalmente nua "Eu usei adesivo nos seios e uma calcinha minúscula. Mas vai aparecer como se eu estivesse sem nada", conta ela à coluna. E quanto a moça ganhou para fazer o clique?

Nada. "Minha assessora achou um absurdo", diverte-se ela, que atualmente é subprefeita da Lapa, em São Paulo. Perguntada se consultou o prefeito, Gilberto Kassab, antes de topar a foto, Soninha foi enfática: "Ah, não. Nem me ocorreu. O prefeito é meu chefe na subprefeitura, não no que mais eu faça por aí".

Fonte: EGO