Extrato de café pode inibir o mau hálito

A equipe controlou a produção bacteriana de odor na saliva usando três diferentes marcas da iguaria.

Ele é uma boa pedida para os dias frios e traz benefícios à saúde, mas costuma ser apontado como um dos causadores da halitose (mau hálito). Essa má fama do café, ou parte dela, pode estar com os dias contados. É que cientistas da Universidade de Tel Aviv, em Israel, descobriram que um extrato do produto tem a capacidade de inibir a bactéria que leva ao problema desagradável.

A equipe controlou a produção bacteriana de odor na saliva usando três diferentes marcas da iguaria. O intuito era demonstrar as causas do cheiro indesejado que seu consumo provoca, mas o resultado foi o oposto. "Contrariamente às nossas expectativas, encontramos alguns componentes do café que, na verdade, inibem o mau hálito", explica Mel Rosenberg, que conduziu o estudo, ao site Science Daily.

Apesar disso, o especialista não anula o potencial de prejudicar o hálito. "O café, que tem um efeito desidratante na boca, torna-se potente quando misturado com o leite, e pode fermentar em substâncias mal cheirosas." A expectativa do pesquisador é isolar a molécula que inibe a bactéria. "Não é o extrato cru do café que vamos utilizar, mas um material ativo dentro dele."

Os resultados podem se transformar na base da preparação de uma nova linha de opções contra a halitose, com enxaguantes bucais, balas e chicletes. A vantagem em comparação às tradicionais gomas de mascar com sabor de hortelã, por exemplo, seria que o extrato bloquearia a formação do problema em vez de apenas mascará-lo. Para os amantes do café, é uma notícia e tanto, já que poderão investir em produtos com o sabor que adoram na hora de mostrar os dotes de beijoqueiro.

Fonte: Terra, www.terra.com.br