Gordura pode reaparecer no corpo depois de fazer lipoaspiração; entenda

Outro ponto observado pelos pesquisadores da universidade é o fato de as células adiposas retiradas de uma determinada área não voltarem a surgir

Famosa por ser a cirurgia plástica mais procurada pelas mulheres no mundo inteiro, a lipoaspiração que promete acabar com as gordurinhas localizadas indesejáveis não é tão milagrosa quanto se imagina. Isso porque um estudo realizado pela Universidade do Colorado, nos Estados Unidos, descobriu que a gordura retirada com a técnica pode reaparecer em outro lugar do corpo com o passar dos anos.

Segundo a pesquisa, que analisou 32 mulheres com idade média de trinta anos, doze meses após a remoção dos pneuzinhos nas regiões das coxas e do abdômen inferior, as pacientes foram surpreendidas com o retorno da gordura em outras áreas, incluindo costas, braços e a parte superior da barriga.

Para o cirurgião plástico José de Faria, membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e do Colégio Brasileiro de Cirurgiões (CBC), o levantamento ressalta que os níveis globais de gordura do corpo permanecem estáveis em médio prazo, retornando ao seu estado anterior se não houver nenhuma mudança no padrão de hábitos alimentares ou de atividades físicas.

?Isso, de alguma forma, nós já sabíamos, pois a lipoaspiração não deve ser encarada como uma forma de emagrecimento global ou de perda de peso, pois ela só é eficaz no combate à gordura localizada e na redefinição da silhueta?, explica o especialista.

Outro ponto observado pelos pesquisadores da universidade é o fato de as células adiposas retiradas de uma determinada área não voltarem a surgir no mesmo local. Isso acontece devido a uma reação natural do organismo, que compensa a perda das células estimulando a produção de novas para acolher a gordura que é ingerida diariamente. ?Quando as células de gordura são removidas, como acontece durante a lipo, fica mais difícil a paciente engordar no lugar em que recebeu a cirurgia?, afirma José.

Apesar disso, se ela ingerir mais calorias do que gasta, o organismo irá ?guardar? o excesso de energia sob a forma de gordura, tanto visceral quanto subcutânea, já que existe uma maior dificuldade de armazenamento nos locais onde foram retirados os pneuzinhos.

Por essa razão, uma boa maneira de evitar o surgimento das gordurinhas extras em outras regiões do corpo é controlando o volume total de gordura corporal por meio da adoção de hábitos alimentares saudáveis e da prática de atividades físicas regulares.

Desvantagem?

Apesar do estudo, a lipoaspiração não oferece qualquer desvantagem para as integrantes do sexo feminino, pois se mantém como um procedimento que se destina exclusivamente à remoção de gordura localizada..

?O próprio estudo mostra uma manutenção do efeito estético local, com evidentes consequências benéficas para as pacientes. O que está errado é achar que a lipoaspiração é um atalho que permite que se passe por cima de hábitos saudáveis, sem que existam consequências para a saúde?, destaca o médico.

Fonte: Terra