Mariana Ximenes solta seus demônios em ensaio

Mariana Ximenes solta seus demônios em ensaio

Ela fala sobre seu trabalho na Rede globo e também da sua vida pessoal

Capa da Rolling Stone Brasil de agosto, Mariana Ximenes fala sobre seu trabalho na Rede globo e também da sua vida pessoal: ""Nos personagens faço tudo: choro, faço sexo, sofro, sinto raiva. Me parece excessivo fazer isso também na vida pública"", disse. Na reportagem, a atriz também conta que quase não tem tempo de comer devido ao excesso de gravação chegando ao ponto de seus colegas de elenco perguntar se ela se alimentou bem quando a encontram.

Durante a entrevista, ela dá pistas sobre a maneira como conduz seus relacionamentos e como mantém o balanço em sua mistura de vida. ""A vida a dois tem que ser a dois. Sempre tem que ceder, e às vezes não ceder. Tem que ter um equilíbrio?, comentou. ?Eu tento virar o jogo quando as coisas estão ruins, mas não dá para maquiar a dor porque um dia ela vai cobrar com juros e correção monetária"", disse.

A atriz também filosofa sobre a vida.""A gente não sabe nada, nunca. Pode sentir, fazer uma lista de vantagens e desvantagens, mas quem decide é o coração. É assim que levo a vida"", afirma. Entre estas e outras revelações, Mariana fala ainda que para interpretar Clara não é preciso necessariamente ter um lado canalha dentro de si. ""Para fazer uma cena de morte, você não precisa morrer. Para fazer cena de trepada, não precisa trepar. Tudo é ficção.""



Fonte: Contigo!, www.contigo.com.br