Modelos brasileiros ficam seminus em livro/catálogo

Modelos brasileiros ficam seminus em livro/catálogo

Com uma tiragem de apenas mil exemplares Made in Brazil objetiva ser um misto de moda e arte



Durante algum tempo se reclamou sobre a falta de conteúdos editoriais sensuais ou semieróticos para o público feminino e gay. O estilista, blogueiro e agora editor Juliano Corbetta, conhecido por investir numa grife que vende microssungas, lançou neste mês um livro/catálogo de mesa batizado de Made in Brazil Mag. A edição promete "ser uma surpresa total, uma experiência diferente a cada edição", disse Corbetta ao Terra.

Com uma tiragem de apenas mil exemplares, a R$ 50 cada, Made in Brazil objetiva ser um misto de moda e arte, um mix de peças de acervo com outras atuais. Para o debut da revista, o fotógrafo Cristiano Madureira foi convidado para fazer todos os 96 flashes de tops como Marlon Teixeira, Francisco Lachowski e Evandro Soldati. "Foram três meses de trabalho, do dia 15 de dezembro até o fim de fevereiro.", disse Juliano. "Heleno Manuel (diretor de estilo) e eu acompanhamos todo o processo, todas as sessões de fotos, exceto a do Evandro.".

Questionado sobre o que a próxima edição, que sai em outubro, ele diz que "já fechamos com três fotógrafos brasileiros, além dos ensaios não ser só com modelos". Entre outras peculiaridades, a revista tem um formato pouco tradicional (26cmX37cm). "É uma revista para as pessoas colecionarem", disse o editor. O que chama a atenção é a revista não ter texto ou propaganda, ela é inteirinha ilustrada com fotos de modelos brasileiros.

A amizade do editor com a turma do site Models.com rendeu uma das matérias mais acessadas no site gringo, impulsionando e provando o interesse nos modelos masculinos brasieliros. Segura, porque agora é que são eles.

Fonte: Terra