Mulheres dão algumas dicas de preliminares

Como a sexualidade feminina é muito mais complexa do que isso, aqui vão algumas dicas das mulheres para uma transa inesquecível

Todo homem quer satisfazer sua parceira na cama. Mas, às vezes, o instinto e o que se vê nos filmes não bastam para ter prazer na hora do sexo. Como a sexualidade feminina é muito mais complexa do que isso, aqui vão algumas dicas das mulheres para uma transa inesquecível:

1. Brincadeiras na hora das preliminares Os jogos na hora das preliminares são muito importantes para as mulheres. Não vá diretamente para a penetração. Passe um tempo estimulando as diferentes zonas erógenas da mulher. Isto permite que a mulher se excite e se lubrifique, preparando-se para a penetração. O sexo não deve ser reduzido somente a um ato de penetração e ejaculação. Muitas mulheres dizem que os jogos preliminares podem ser tão ou mais importantes que a penetração.

2. A vagina não é o único local de prazer Lembre-se de que a vagina e os seios não são as únicas zonas erógenas de uma mulher. O corpo da mulher possui um grande número de zonas altamente eróticas. Atreva-se a descobri-las. Tente excitar sua parceira por meio das orelhas, dos braços, das mãos, das costas, do espaço entre as pernas, dos músculos e inclusive dos pés.

3. Os seios são delicados Na hora da transa, por mais que você esteja empolgado com o sexo, é preciso ter em mente que os seios são extremamente sensíveis. Não os trate com rudeza, nem aperte-os com muita força. Dê atenção para toda a parte dos seios e não somente aos mamilos. Muitos homens pensam que somente o estímulo dos mamilos excita uma mulher. Os beijos e carícias em todo o seio oferecem sensações muito prazerosas e excitantes.

4. Atenção especial ao clitóris Quando você estimular manualmente o clitóris e não com a boca, não faça isso com força. O clitóris é tão ou mais sensível do que a glande do pênis de um homem. Algumas mulheres não toleram o estímulo direto do clitóris, ao menos que estejam muito excitadas. A princípio, estimule as zonas ao redor do clitóris e, progressivamente, à medida que sua parceira for ficando excitada, estimule-o diretamente.

5. Lubrificação é importante Durante o estímulo manual do clitóris, é muito importante que a zona genital esteja bem lubrificada. Se ela não estiver, é provável que haja dor. Antes de estimular os órgãos genitais, acaricie, beije e toque outras zonas do corpo dela. Isto ajudará a mulher a se excitar, o que gera a lubrificação vaginal.

6. Contato manual com a vagina Se você for introduzir o pênis ou mesmo os dedos na vagina, assegure-se de que ela esteja bem lubrificada, porque do contrário você vai causar muita dor a sua parceira. Introduzir muitos dedos de uma vez só também pode causar dor. Sendo assim, se você não tem muita certeza de quantos dedos pode penetrar em sua parceira, comece colocando um e logo pergunte se ela deseja que introduza outro e assim sucessivamente. Assegure-se também de que suas unhas estejam bem cortadas e que seus dedos estejam limpos, senão você poderá causar feridas e infecções na sua parceira.

Fonte: Terra, www.terra.com.br