Mulheres tentam evitar a obsessão com a beleza e viram adeptas do jejum do espelho

Mulheres tentam evitar a obsessão com a beleza e viram adeptas do jejum do espelho

Algumas mulheres já começaram o jejum nos Estados Unidos.

Mulheres que são alimentadas com a pressão constante de boa aparência estão adotando uma nova tendência, o "jejum de espelho". Elas estão tentando evitar a obsessão com a beleza, não se olhando no espelho por algum tempo. As informações são do Daily Mail.

Algumas ?participantes voluntárias? desse teste evitaram reflexos em vitrines, espelhos retrovisores e até telefones celulares.

Algumas mulheres já começaram o jejum nos Estados Unidos. A escritora Autumn Whitefield Madrano, 36 anos, mora em Nova York e já tentou não se olhar por um mês. Ela escreveu sobre sua experiência no ano passado e disse que percebeu que tinha desenvolvido uma pose especial para quando se olhava no espelho. Ela sugava as bochechas enquanto olhava para ela mesma.

"Eu queria ver quanto o meu humor era afetado de acordo com a forma que eu via minha imagem", afirmou. "Fiquei surpresa com a rapidez com que eu parei de me preocupar sobre como sou fisicamente. E se eu paro de pensar nisso, eu assumo quem realmente eu sou", acrescentou.

Hoje, Madrano se permitiu usar um espelho de mão para que consiga passar maquiagem e arrumar o cabelo ocasionalmente.

Kjerstin Gruys, 29, passou o ano antes de seu casamento evitando espelhos depois de superar um transtorno alimentar. "Eu consegui melhorar minha autoestima", disse. Este é provavelmente o segredo mais poderoso para se sentir bonita.

Apesar disso, Phillippa Diedrichs, psicóloga do Centre for Appearance Research, em Bristol, falou que esse jejum de espelho pode ser outra forma de obsessão com a aparência. "Quando se trabalha com pessoas que têm problemas em torno da imagem corporal, incentivamos uma técnica de exposição em espelho para que ela se olhe e passe a ter uma boa impressão sobre ela mesma", disse.

Fonte: Terra