O bem que o leite faz durante a ressaca

O leite fornece elementos essenciais para a manutenção e reidratação do organismo

Hoje é o Dia Internacional do Leite, este alimento tão importante para a saúde dos humanos. O produto, que está presente em diferentes fases da vida, é complexo e apresenta um balanço nutricional único: contém proteínas, carboidratos e minerais. Mas além de ser importante para o desenvolvimento, você sabia que o leite ainda pode ser um grande aliado naquela hora incômoda em que a ressaca bate, tipo depois de comemorar um jogo do Brasil nesta Copa?

A bebida fornece elementos essenciais para a manutenção e reidratação do organismo e isso pode diminuir, e muito, os efeitos da bebedeira, pois o álcool é responsável por estimular algumas substâncias que geram náuseas, dor de cabeça, desidratação e cansaço.

De acordo com a nutricionista Ana Beatriz Barella, o leite é uma boa opção para repor água, proteínas, carboidratos, lipídeos, minerais e vitaminas para quem exagerou nas bebidas alcoólicas. "O potássio da bebida também ajuda a contra atacar os efeitos do sódio, na retenção de água, e a vitamina B6 aumenta a capacidade dos rins em excretar sódio", disse.

Após beber um pouco demais, o corpo pede por hidratação, e aquela sede que bate no dia seguinte pode ser saciada não apenas com água. O leite possui um teor de água de aproximadamente 90%, e a diluição dos nutrientes no meio líquido faz com que o conjunto nutricional da bebida seja melhor do que as propriedades de cada nutriente, se consideradas separadamente.

Além disso, para diminuir a sensação de cansaço, normalmente decorrentes da diminuição da glicose sanguínea, cada copo de leite contribui com 6 gramas de lactose, um açúcar importante na reposição de energia. "O ideal é incluir três copos de leite, por dia, em qualquer situação, já que além dos nutrientes, a bebida é campeã na hidratação."

Mas não deixe para beber o leite apenas quando bater aquela dor de cabeça. O alimento é essencial para manter o nível de cálcio no organismo, o que ajuda no desenvolvimento das crianças e na manutenção da saúde nos idosos. Se você não gosta de leite ou é intolerante à lactose, pode optar por produtos derivados ou que não contenham este componente.

Fonte: Terra, www.terra.com.br