Pilates ajuda a cuidar da silhueta na gravidez

Exercícios inspirados no pilates têm conquistado cada vez mais adepta

 O método integra corpo e mente na realização de movimentos que exigem força, controle, equilíbrio e alongamento muscular e tem se mostrado uma opção adequada para gestantes que buscam novas terapias para melhorar a qualidade de vida durante esse período.

Segundo a fisioterapeuta Yara Moraes, sócia da Pilates Mania, os médicos costumam autorizar e incentivar as pacientes grávidas a praticarem o método. “A recomendação é que a adesão seja feita a partir do 3º mês, pois no primeiro trimestre ocorre a formação fetal e uma grande liberação hormonal que influencia todo o corpo da mulher", diz.

Como qualquer programa de exercícios para grávidas, o treino precisa ser individualizado, respeitando limites, resistência, flexibilidade, nível de aptidão, idade, saúde em geral e estágio da gestação, além de, claro, a autorização do médico que acompanha a gestante.

O exercício contribui para melhorar o tônus, diminuir o risco de perda óssea, promover boa postura e melhorar a mecânica corporal. Pilates também melhora o humor, a autoestima e da imagem corporal que podem estar alteradas neste período. "As gestantes conseguem atingir todos os benefícios da prática, principalmente com a melhora da circulação e a eliminação de dores musculares devido às alterações de postura na gravidez", finaliza Yara.

Fonte: Terra, www.terra.com.br