Rugas podem ser preenchidas com sangue

Novo tratamento nos Estados Unidos usa o sangue da paciente para amenizar as marcas do tempo

A cada dia são lançados no mercado novos tratamentos estéticos. São tantas novidades que fica difícil saber quais são aquelas realmente confiáveis. Ainda mais quando elas são, digamos, um pouco estranhas. A bola da vez é o novo tipo de preenchimento natural que vem sendo feito nos EUA.

Ele é feito com o sangue da própria pessoa que vai se submeter à aplicação. Depois de coletado, o sangue passa por uma centrífuga, onde o plasma é separado das plaquetas e fibrinas (proteínas responsáveis pela coagulação sanguínea). Essas proteínas são então injetadas em rugas e depressões da face.

Segundo estudos, esse material estimularia a formação de um novo tecido conjuntivo e este, por sua vez, suavizaria essas marcas do tempo. O novo preenchedor tem o nome de Selphyl e foi registrado pela empresa americana UBS Aesthetics, que é responsável por fornecer o kit de preparação e aplicação do produto. Por enquanto, os médicos brasileiros ainda não estão trabalhando com o Selphyl.

Segundo a revista Marie Claire americana, ele está entre as 10 mais importantes descobertas do ano. No site da empresa (http://www.selphyl.com/), há muitos "antes e depois" de pacientes que aplicaram o novo preenchedor facial.

Fonte: Terra