Com direito a babados e lacinhos, sites japonês e australiano vendem lingeries para homens

Com direito a babados e lacinhos, sites japonês e australiano vendem lingeries para homens

Body, calcinha, sutiã e outras peças, com direito a babados e lacinhos, estão à disposição.

Quem disse que roupa íntima é só assunto de mulher? Os sites japonês Rajuten e o australiano Hommemystere oferecem lingerie com rendas, poás, lacinhos e muito mais para homens. Tudo feito em modelagens que atendam ao freguês - leia-se costas mais largas e bojos menores. Para quem estiver interessado, os sites prometem discrição na entrega, que pode ser feita no mundo todo.

Segundo o jornal britânico "Daily Mail", os modelos japoneses são da marca Wish Room. O representante da grife diz que foram feitos "para que os homens tenham a oportunidade de curtir o mesmo tipo de underwear macia e luxuosa com que as mulheres estão acostumadas".

Masayuki Tsuchiya, representante da Wish Room, contou à agência Reuters que ele mesmo usa as peças, e que o sutiã fica discreto por baixo das roupas. "Gosto da sensação das roupas me apertando. É gostoso".

Já a diretora executiva da marca, Akiko Okunomiya, disse que ficou surpresa com a quantidade de interessados em "abraçar seu lado feminino". "Acho que cada vez mais os homens estão interessados, principalmente em sutiãs. Desde que lançamos a linha, vários consumidores disseram "uau, estávamos esperando por isso há muito tempo"", contou a diretora.

A Wish Room, que também fabrica lingerie feminina, lançou sua primeira linha masculina em 2008. Atualmente, as peças estão à venda a partir de 18 libras, cerca de R$ 70.


Sites japonês e australiano vendem lingeries para homens

Sites japonês e australiano vendem lingeries para homens

Sites japonês e australiano vendem lingeries para homens

Sites japonês e australiano vendem lingeries para homens

Sites japonês e australiano vendem lingeries para homens

Fonte: EGO