Uso de cocaína priva do prazer do sexo

Pesquisa comprova que droga afeta neurônios responsáveis pela sensação durante o ato sexual

Um estudo da "Sinai School of Medicine", uma universidade de Nova York, apontou que a sensação provocada pela droga priva o cérebro dos prazeres provindos do sexo. O resultado da pesquisa foi divulgado na revista "Nature" e constatou que quanto mais o homem aumenta a dependência pela droga, a sensação de prazer no sexo vai diminuindo.

Com o passar do tempo, as relações sexuais vivenciadas pelo usuário deixam de oferecer qualquer deleite. Especial Kama Sutra Como amostra do estudo, os pesquisadores utilizaram dois grupos de ratos que comprovaram os efeitos do uso crônico da droga.


"Este estudo nos ajuda a entender por que o consumo de drogas causa repetidas mudanças a longo prazo. Isso acontece por causa dos distúrbios nos neurônios", afirmou Nora Volkow, diretora do National Institute on Drug Abuse (Instituto Nacional no Abuso das Drogas), responsável por financiar o estudo.

Fonte: Abril, www.abril.com.br