Confira looks de novela que viraram tendência na vida real

Confira looks de novela que viraram tendência na vida real

Ditar moda não é algo relacionado apenas às tramas atuais.

Maxibolsa amarela da Heloísa (Giovanna Antonelli), de Salve Jorge; saia longa com forro mais curto de Débora (Nathalia Dill), de Avenida Brasil; roupas claras da vilã Carminha (Adriana Esteves), de Avenida Brasil; camisolas com decotes generosos da Tereza Cristina (Christiane Torloni), de Fina Estampa. Esses são alguns dos exemplos mais recentes de looks das novelas que viraram tendência na vida real.

No entanto, ditar moda não é algo relacionado apenas às tramas atuais. A professora de história da moda da faculdade Santa Marcelina, Miti Shitara, lembra como as meias coloridas de lurex usadas por Sônia Braga, na novela Dancin Days, viraram uma febre entre as mulheres. "É a novela mais importante na história da moda, referência do período psicodélico no Brasil, nos anos 1970", disse ela.

Segundo Miti, quando um famoso usa uma peça, ela vira objeto de desejo dos fãs. "Antes, usar meia com sandália era brega, mas durante o sucesso da novela, virou costume", explicou. Difícil esquecer do lenço usado por Regina Duarte em Roque Santeiro, do visual "dark" de Cláudia Ohana em Vamp, da pulseira emendada com anel usado por Giovanna Antonelli em O Clone ou da coleirinha de Cláudia Abreu em Celebridades, copiada por várias mulheres. "O cabelo com lenço da viúva Porcina foi admitido por todas as camadas sociais, foi um furor", comentou Miti.

A blusa curtinha que deixava os ombros de fora da personagem Babalu, interpretada por Letícia Spiller em Quatro por Quatro, e os lenços coloridos usados por Juliana Paes em Caminho das Índias também se tornaram moda entre as mulheres. "Tudo influencia, até as frases, quando Beth Faria dizia "odeio lilás" em Água Viva, as vendas caíram, ninguém mais queria lilás", lembrou. "As novelas e os programas da televisão como um todo são agentes transformadores das pessoas. É como se fosse um amigo que surge com coisas novas que dá vontade de copiar", contou.

Fonte: Terra