Veja os alimentos leves e dieta detox que eliminam os excessos da Páscoa

Para eliminar as calorias extras saiba que alimentos e atitudes capazes de driblar a sensação de estufamento

Diante da variedade de comidas e, principalmente, de chocolates, fica difícil não exagerar na comilança durante a Páscoa. Mas, antes de declarar um período de fome pós-feriado para eliminar as calorias extras saiba que alimentos e atitudes capazes de driblar a sensação de estufamento.

Apenas fechar a boca não compensa o excesso e ainda é prejudicial à saúde, pois o corpo precisa de nutrientes para que o fígado possa expurgar todas as toxinas. ?Quando saímos de um período como esse, o ideal é comer alimentos leves ao longo do dia, de três em três horas. Ficar apenas em jejum traz malefícios?, explica Fernanda Vaz, nutricionista.

Ao voltar à rotina, já na segunda-feira, é preciso diminuir a quantidade de alimentos oleosos e incluir cereais integrais como pães, arroz, frutas e verduras, por serem ricos em fibras. No prato, também não deixe de fora brócolis, couve-flor e couve, pois eles contêm nutrientes estimulantes para o fígado.

Paralelamente à readequação do cardápio, é aconselhável praticar mais exercícios físicos nos dois dias seguintes à comemoração. ?O ideal é aumentar o ritmo em atividades leves, como caminhadas. Para aqueles que realmente exageraram, é preciso evitar musculação pesada para não sobrecarregar o corpo?, avalia Fernanda.

Detox

Outra opção de voltar à forma é apelar para as famosas dietas detox. ?Elas são indicadas para quem comeu muito na Páscoa, assim como as pessoas que têm uma alimentação muito pesada e pioraram com os chocolates?, afirma Fernanda.

Dica eficiente é consumir, no domingo, um suco verde para eliminar as substâncias nocivas. Para isso, basta bater no liquidificador uma maçã, folhas de couve e água de um coco verde. A fruta e a hortaliça ajudam a eliminar o que está em demasia no organismo, enquanto o líquido é um repositor com nutrientes importantes para as funções metabólicas.

Fonte: Terra