Venda de cosméticos masculinos aumenta

Medo de envelhecer e necessidade de uma imagem mais profissional movimenta o mercado

As vendas de cosméticos para homens na Grã-Bretanha vêm aumentando em ritmo duas vezes maior que o de cosméticos para mulheres, movimentadas sobretudo pela necessidade dos homens de terem aparência boa para entrevistas de emprego e pelo medo de envelhecer, revelou uma pesquisa.

O estudo feito pela L"Oreal do Reino Unido com 1.013 homens revelou que um em cada cinco homens tinge os cabelos para disfarçar os cabelos grisalhos.

Cuidar da aparência passou a ser visto como símbolo de masculinidade, concluiu a pesquisa.

Quase dois terços dos homens (56%) usam produtos cosméticos diariamente e 82% disseram que não há produtos cosméticos que eles teriam vergonha de comprar.

Um quarto dos homens usa hidratante facial regularmente e dois em cada cinco (39%) usam produtos de limpeza facial diariamente para cuidar da pele e combater os efeitos do estresse do trabalho e do envelhecimento.

Pierre-Yves Arzel, diretor administrativo da L"Oréal Reino Unido e Irlanda, comenta os resultados da pesquisa.

- Sabemos, pelos resultados da pesquisa, que a preocupação com o envelhecimento não atinge apenas as mulheres e que um número crescente de homens vem recorrendo a cosméticos para ajudá-los a ter uma imagem mais profissional em tempos de incerteza econômica.

Para ele, "os produtos anti-envelhecimento são os mais importantes do mercado de produtos de beleza para homens".

Fonte: r7