Yasmin Brunet faz campanha contra o termo "barriga negativa"

"Acho um desrespeito com quem tem distúrbios alimentares e está lutando para sobreviver. Isso não é beleza e não é saúde", escreveu no Twitter

A modelo Yasmin Brunet, que costuma fazer campanhas no Twitter para que suas seguidoras amem seu corpo, desta vez criticou o termo "barriga negativa", bastante utilizado para modelos magérrimas.

"Vamos nos livrar do termo "barriga negativa" . Não é saudável. A não ser para alguns biótipos que já têm essa barriga mais para dentro, não é saudável incentivar esse nome dizendo que isso é beleza. Para chegar nessa tal "barriga negativa" a pessoa tem que sofrer. Não comer, se sacrificar, abusar do seu próprio corpo, se castigar. Acho um desrespeito com quem tem distúrbios alimentares e está lutando para sobreviver. Isso não é beleza e não é saúde. Meninas e meninos, cada um de nós nascemos com um biótipo e somos lindos do nosso modo. Nada de sofrer para se encaixar nessa loucura de "barriga negativa". Quem inventou isso deve ter um cérebro negativo! Te amo como vc é bj Ya", desabafou a modelo.


Yasmin Brunet faz campanha contra o termo

Fonte: EGO