Mulher filma marido agredindo seu filho de dois meses

Mulher filma marido agredindo seu filho de dois meses

Polícia encontrou duas armas com o pai, que foi preso

A Polícia Civil de Pouso Alegre, na região sul de Minas Gerais, abriu inquérito para investigar um homem que aparece agredindo o filho de apenas dois meses em imagens gravadas por celular. Ele foi denunciado pela mulher dele e mãe da criança. Ela registrou imagens de agressões com um celular escondido em uma caixa de sapatos.

As imagens mostram quando a criança chora no colo do pai, que senta na cama e coloca várias vezes o dedo na garganta do bebê. Em seguida, ele sai do quarto e, ao voltar, repete a agressão. As cenas ainda mostram o homem dando um tapa na criança, que é deixada chorando no berço.

Conversamos por telefone com a delegada Lucila Vasconcelos, de Pouso de Alegre. Ela informou que vai pedir, nesta segunda-feira (8), a prisão preventiva do homem por causa das agressões ao bebê. Ainda segundo ela, o vídeo será usado no inquérito.

Ainda segundo a polícia, a mulher suspeitou do marido porque a criança quebrou a clavícula e o bebê só ficava sob os cuidados dos dois. Na semana passada, depois de perceber marcas roxas na palma da mão e no antebraço direito da criança, a mãe decidiu filmar o que acontecia no quarto enquanto saia para trabalhar. As cenas foram gravadas na última quinta-feira (4) e foram apresentadas à polícia na noite deste domingo (7).

O pai está preso por porte ilegal de armas no Presídio de Pouso Alegre, pois a polícia encontrou dois revólveres com ele. Agora, ele será investigado também pela denúncia de agressão.

Fonte: g1, www.g1.com.br