Mulher presa em casa pede ajuda por carta

Ela não podia sair de casa, de acordo com a denúncia

Um homem de 54 anos, suspeito de manter a mulher em cárcere privado, foi preso em Itamonte (MG), na quarta-feira (2). O Ministério Público Estadual recebeu uma carta, escrita pela vítima, e acionou a polícia.

O imóvel fica às margens da BR-354. Na carta, a dona de casa, de 52 anos, disse que o portão estava trancado, com cadeado. Em outro trecho, ela contou que havia sido ameaçada de morte. "Diante disso, tomei a precaução de pedir auxílio da Polícia Militar, que foi ao local e verificou que o fato estava realmente acontecendo", disse a promotora Regina Lúcia Moraes Costa.

O delegado Elviro Mancini contou que o marido chegou a enfrentar os policiais que foram até a residência. De acordo com ele, a mulher podia andar livremente dentro de casa, mas estava impedida de sair para a rua. "Isso já vinha acontecendo há um ano", afirmou.

Mancini disse que a mulher conseguiu entregar a carta pedindo socorro para o filho, que ficou preocupado e procurou o Ministério Público. "Ainda não sabemos de todos os detalhes. Há fatos que ainda devem ser esclarecidos", afirmou.

Em depoimento, a mulher disse que não pediu ajuda antes porque tinha medo do marido.

Fonte: g1, www.g1.com.br